Blog do ligeiro

Weverton e Braide cada vez mais próximos

Senador e prefeito já trocam gentilezas públicas.

O que era comentado somente nos bastidores ou no campo da especulação, começou a ganhar status de cenário concreto com recentes movimentos políticos registrados nos últimos dias.

O senador Weverton Rocha, pré-candidato ao Governo pelo PDT, e o prefeito Eduardo Braide (Podemos) caminham, a passos largos, para reeditar uma nova aliança com vistas ao pleito majoritário deste ano.

O primeiro indicativo foi dado ainda no fim de semana quando o prefeito anunciou o vereador Raimundo Penha, presidente do diretório municipal do PDT em São Luís e aliado do senador, como o novo líder da sua gestão na Câmara Municipal.

Penha, aliado de Weverton, tornou-se líder da gestão do prefeito na Câmara.

Na noite de ontem, outro aliado de Weverton, o deputado estadual Neto Evangelista (União Brasil), pré-candidato a deputado federal, reuniu-se com o prefeito, oportunidade na qual trocaram gentilezas.

O próprio Weverton, nas redes sociais, elogiou Braide por ter elevado a nota de São Luís ao melhor conceito junto ao Tesouro Nacional.

O prefeito, sem delongas, devolveu a gentileza: “É isso aí, senador Weverton. Agora vamos conseguir mais investimentos para serviços e obras em São Luís”.

No primeiro turno da eleição para Prefeitura da capital, em 2020, o PDT apoiou a candidatura de Neto Evangelista, então filiado ao DEM.

No segundo turno, pedetistas e o próprio Evangelista foram fundamentais no que se refere a vitória de Braide contra o deputado estadual Duarte Júnior (então filiado ao Republicanos), que contava com o apoio do vice-governador Carlos Brandão (PSDB) e do governador Flávio Dino (PSB), desafeto político do prefeito.

Evangelista, outro apoiador de Weverton, também mantém proximidade com o gestor.

Brandão, vale destacar, tentou obter o apoio de Braide para sua reeleição.

Fracassou devido a vários fatores políticos. Um deles refere-se ao fato de estar apoiando a candidatura do vereador Paulo Victor (PC do B) à presidência da Câmara.

Victor e o seu grupo já fazem oposição ao prefeito, que apoia o nome do vereador Dr. Gutemberg (PSC).

Deixe uma resposta