Blog do ligeiro

Professores prometem manifestar-se em frente ao Palácio dos Leões

greve_de_professoresMuitos professores têm reclamado sobre a inércia do SINPROESEMMA devido ao seu atrelamento ao Governo Flávio Dino. Eles atribuem ao fato do presidente da entidade, Júlio Pinheiro, ser do mesmo partido do governador, o PCdoB.
Por conta dessa inércia, reclamada por alguns professores, é que eles estão tomando a iniciativa de convidar os professores da rede pública de ensino do Maranhão para uma reunião na próxima sexta-feira (29), às 8h, em frente ao Palácio dos Leões.
A ideia é cobrar dos gestores públicos municipais e do governador Flávio Dino, o reajuste do PISO, assunto que ainda não foi tratado no ano de 2016. Como se isso não bastasse, esse ano, existe um movimento nacional de prefeitos e governadores defendendo a concessão do reajuste do PISO somente em agosto.
Num trecho do comunicado distribuído à imprensa, os professores chegam a afirmar que governos e direções sindicais estão atrelados.
“Professor/a, nosso contexto é por demais desafiador, estamos não entre governo e direções sindicais, pois eles lutam do mesmo lado e perseguem objetivos semelhantes. Nosso dilema é escolher entre a INDGNAÇÃO ou a RESIGNAÇÃO e entre FAZER ou não a LUTA. Apesar de todas as dificuldades nós defendemos a luta, pois somente através dela podemos fazer valer nossos direitos”, ressalta.
O texto assinado pelo professor Antonísio Furtado, ainda lembra que os sindicatos são constituídos por um diretoria é que são minoria diante da base.
“Por último eu ressalto: TODO SINDICATO é constituído por uma DIRETORIA (minoria) e BASE (MAIORIA). Não faz sentido nossa categoria ficar refém de uma MINORIA que defende interesses particulares e também de governos. O SINDICATO SOMOS NÓS”, finaliza o texto.

Deixe uma resposta