Blog do ligeiro

Prefeito Eduardo Braide inicia a entrega das 10 mil cestas de alimentos para famílias da região do Quilombo Urbano da Liberdade

 

O prefeito Eduardo Braide iniciou a entrega, na manhã desta sexta-feira (16), de 10 mil cestas básicas destinadas às famílias de baixa renda da região do Quilombo Urbano da Liberdade. A primeira ação aconteceu no Residencial Rio Anil, na Camboa, e seguirá nos próximos dias em outras comunidades da região. A iniciativa tem como objetivo levar alimentos para pessoas em situação de vulnerabilidade social e insegurança alimentar decorrente dos efeitos econômicos da pandemia de Covid-19. As cestas são frutos da parceria da Prefeitura com o Governo Federal por meio da campanha Brasil Fraterno, com articulação do Ministério da Cidadania e do Sistema S.

“Esta é uma ação importante que a Prefeitura de São Luís realiza em parceria com o Ministério da Cidadania, por meio da qual vamos entregar 10 mil cestas básicas ao quilombo urbano da Liberdade, Camboa e região. Esta ação acontece em um momento essencial que é o da superação da pandemia de Covid-19 e suas consequências econômicas, que afetaram, sobretudo, as famílias mais pobres. Por isso, as cestas serão distribuídas de forma mais rápida possível, com a ajuda de diversos parceiros, para garantir alimento de qualidade na mesa de quem mais está precisando”, destacou o prefeito Eduardo Braide.

A vice-prefeita, Esmênia Miranda, afirmou que a Prefeitura de São Luís tem priorizado a assistência às famílias de baixa renda. “A pandemia fez com que muitas pessoas ficassem desempregadas. Por isso, é fundamental que o poder público auxilie estas famílias. E a Prefeitura de São Luís, na gestão do prefeito Eduardo Braide, tem um olhar atento para as famílias em situação de vulnerabilidade social, assistindo às famílias que mais precisam neste momento”, garantiu.

No Residencial Rio Anil, na Camboa, moram 288 famílias cadastradas no CadÚnico. A entrega das cestas foi uma ação conjunta das secretarias municipais de Segurança Alimentar (Semsa), que organizou as cestas a serem entregues, e da Criança e Assistência Social (Semcas), que mobilizou as famílias beneficiadas. Por causa da pandemia da Covid-19 a situação financeira destas famílias acabou sendo agravada e muitas delas estão com dificuldade para garantir seu sustento.

O titular da Semsa, Júnior Vieira, informou que a entrega das cestas faz parte das ações da Prefeitura de São Luís para garantir alimento de qualidade às famílias em situação de vulnerabilidade social. “Estamos iniciando a distribuição das cestas que recebemos do Ministério da Cidadania, beneficiando somente nesta manhã as 288 famílias que moram neste residencial. Para facilitar vamos fazer a entrega direto na casa de cada família. Esta é uma grande ação de solidariedade e faz parte das políticas da gestão do prefeito Eduardo Braide para combater a fome na nossa cidade”, disse.

Cada família recebeu uma cesta contendo 5kg de arroz, 2k de feijão, 1kg de açúcar, quatro pacotes de macarrão, três pacotes de leite, um pacote de flocão de milho, óleo de cozinha e 1kg de farinha branca.

O alimento vai fazer diferença para a família da aposentada Carmelita Diniz, 64 anos. “A única renda que temos é a minha aposentadoria para sustentar sete pessoas. Essa cesta que recebi hoje vai ajudar muito nesses próximos dias”, comentou.

Quem também ficou feliz em receber a cesta foi a dona de casa Leide Campos, 38 anos. “Lá em casa somos cinco pessoas e só meu marido está trabalhando. Além disso, minha mãe está recém-operada, precisando se alimentar bem. Então essa cesta vai ajudar demais a gente”, disse.

A titular da Semcas, Rosângela Bertoldo, informou que a entrega das cestas integra o conjunto de políticas sociais da gestão do prefeito Eduardo Braide. “Esta é mais uma ação da gestão do prefeito Eduardo Braide na área social. Por meio de articulação junto ao Ministério da Cidadania serão distribuídas 10 mil cestas às famílias da região do Quilombo Urbano da Liberdade. Começamos pelo Residencial Rio Anil por ser formado por famílias oriundas de palafitas, que receberam moradias dignas, mas ainda enfrentam dificuldades financeiras, principalmente neste momento de pandemia”, explicou.

 

Famílias beneficiadas

As 10 mil cestas que serão distribuídas nos próximos dias foram recebidas durante visita do ministro da Cidadania, João Roma, a São Luís na segunda-feira (12). As cestas foram adquiridas por meio da iniciativa Brasil Fraterno, do Governo Federal, com articulação do Ministério da Cidadania, e parceria do Sistema S, com o objetivo arrecadar e doar cestas de alimentos para pessoas em situação de vulnerabilidade social e insegurança alimentar decorrente dos efeitos econômicos da pandemia de Covid-19. As cestas são destinadas às famílias que moram na região do Quilombo Urbano da Liberdade.

A entrega das cestas contou com o apoio da Blitz Urbana, Guarda Municipal, Cruz Vermelha do Maranhão, Corpo de Bombeiros Militar do Maranhão e Polícia Militar.

Acompanharam o prefeito Eduardo Braide durante a distribuição das cestas os secretários municipais de Turismo, Saulo Santos; Cultura, Marco Duailibe; Agricultura, Pesca e Abastecimento, Liviomar Macatrão; a presidente da Fundação Municipal de Patrimônio Histórico, Kátia Bogéa; e o presidente da Cruz Vermelha no Maranhão, João Rangel.

Deixe uma resposta