Blog do ligeiro

Pesquisa Datailha confirma vitória de Dr. Julinho em São José de Ribamar

 

 

Pesquisa divulgada pelo Instituto Datailha nesta quinta-feira (12), confirma que o candidato Dr. Julinho (PL), será eleito prefeito de São José de Ribamar com 49,4% dos votos válidos. A mais nova pesquisa confirma o resultado de todos os outros institutos que também revelaram vitória de Julinho com ampla vantagem para o segundo colocado.

De acordo com o levantamento, o prefeito Eudes Sampaio (PTB), que tenta a reeleição, sairá derrotado com 21,6% dos votos válidos; Beto das Vilas aparece em terceiro lugar com 15,1% dos votos validos; Jota Pinto (PDT) em quarto lugar com apenas 6,8%; Edson Júnior (MDB) com 5,9% e Magão (PSOL) em último, com apenas 1,2% dos votos válidos.

Rejeição

Com gestão marcada por cobranças, reclamações e muito protesto, o candidato Eudes Sampaio segue como o candidato com maior rejeição entre os eleitores ribamarenses com 44,6%; Beto das Vilas é o segundo candidato mais rejeitado, com 19%; Dr. Julinho com rejeição de 16,7% dos entrevistados; Jota Pinto tem rejeição de 9.3%; Magão 6,3% e Edson Júnior é o candidato com menor rejeição, apenas 4,1%.

Pesquisa realizada pelo Instituto Datailha entre os dias 06 e 07 de novembro de 2020, no município de São José de Ribamar – MA, com 490 entrevistados, registrada no TSE sob o nº MA02566/2020. A margem de erro é de 4% e o nível de confiança é de 95%. Contratante: 19678000000173 – J N N GOMES EIRELI / JORNAL EXTRA

Guerra jurídica em São José de Ribamar.

Faltando apenas três dias para o pleito, muita disputa jurídica e fakenews marcam a eleição da terceira maior cidade do Maranhão.

Apesar de muita notícia desencontrada, em consulta ao TSE – Tribunal Superior Eleitoral, a informação verídica é de que todos os candidatos estão com seus registros de candidatura deferidos pela Justiça, motivo pelo qual todos os votos serão computados e a disputa este ano será nas urnas.

Nas redes sociais, um bombardeio de notícias falsas deram conta de que a candidatura de Dr. Julinho teria sido indeferida. No entanto, a notícia é classificada como fakenews já que a situação do candidato é regular e sua candidatura, como consta no TSE, está confirmada.

Aliados de Eudes Sampaio tentaram proibir divulgação da Pesquisa Datailha

Prevendo a ampla vantagem de Dr. Julinho sobre Eudes Sampaio, o presidente do PROS, Reinaldo da Silva Ribeiro, tentou na Justiça, proibir a divulgação da pesquisa realizada pelo Instituto Datailha.

Na sentença, a juíza Teresa Cristina de Carvalho Pereira Mendes, da 47% zona eleitoral, rejeitou o pedido feito pelo presidente do PROS, partido da coligação de Eudes Sampaio e ainda condenou o autor a multa de R$ 5 mil reais por litigância de má-fé.

Deixe uma resposta