Blog do ligeiro

Josemar consolida-se em Paço com condenação de Gilberto Arôso

Condenação pelo Tribunal de Justiça tira do páreo o ex-prefeito do PMDB, e fortalece projeto de reeleição do prefeito tucano Josemar Sobreiro, que fica praticamente sem adversário consistente

Revés de Arôso favoreceu Josemar a se consolidar contra um Dutra antipatizado em Paço do Lumiar...

Revés de Arôso favoreceu Josemar a se consolidar contra um Dutra antipatizado em Paço do Lumiar…
O prefeito de Paço do Lumiar, Josemar Sobreiro (PSDB), praticamente consolidou seu projeto de reeleição no município.
Embalado pela recuperação da gestão nos últimos meses, Professor Josemar viu ontem o Tribunal de Justiça manter a condenação de seis anos de reclusão contra o ex-prefeito Gilberto Arôso (PMDB).
Pela Lei Eleitoral, qualquer condenação nas instâncias de 2º Grau da Justiça tira do páreo os pretensos candidatos.
Arôso era o único adversário que estabelecia certa disputa com Josemar.
Até agora, nem o ex-deputado Domingos Dutra (PCdoB), nem o empresário Caetano Jorge (PV), conseguiram mostrar a que vieram na disputa em Paço do Lumiar, apesar das estruturas que se dispõem a apoiá-lo.
Consolidado pela entrada no PSDB e fortalecido pelo apoio do PDT, Josemar deve conquistar os eventuais eleitores de Gilberto Arôso, tradicionalmente antipáticos a figuras como ad e Dutra e ainda pouco afeitos a novatos como Caetano.
Fora do páreo em Paço do Lumiar, Gilberto Arôso ainda tem outro problema a resolver.
Por decisão do Supremo Tribunal Federal, qualquer condenado em nível de segunda instância no Brasil é obrigado, automaticamente, a iniciar o cumprimento da pena, o que é o seu caso.

Deixe uma resposta