Blog do ligeiro

Hans Nina deixa hospital e fala em renascimento






Por Hans Nina

Muita gente não crê em anjos… Muita gente não crê na intercessão junto a Deus… Muita gente não crê nem em Deus.
Mas eu creio!
E já tive várias comprovações.
E na última semana, talvez a mais forte delas.
Renasci. Pela segunda vez.
Qualquer palavra que use para agradecer a toda equipe do Hospital UDI pelo pronto, eficaz e humano atendimento que tive desde da minha entrada até minha saída, serão insuficientes.
Todos os médicos (José Xavier Melo Filho, Mary, Márcio Barbosa, Gama, Milton, Fabricio, Val, Frederico Mendonça, Elbio D’Amico), enfermeiros(as), técnicas(os), todos da equipe da hemodinâmica, Geodecio e Elisson, que literalmente devolveram as batidas do meu coração, fisioterapeutas, copeiras (perdão por esquecer de alguém nominalmente). Todos que ajudaram a me trazer de volta a vida.
Todo o amor e carinho recebido da minha família, minha mãe, meus irmãos, minha filha, meus primos e primas, todos meus amigos, presenciais e virtualmente… Todas as palavras e orações… foram meu combustível a mais de resistência.
E, claro, o meu anjo, que me socorreu, sofreu, rezou, esteve ao meu lado e saiu comigo… A mulher que salvou minha vida e que amo incondicionalmente! Patrícia
Rocha! O anjo que me salvou!
E hoje saio, com a benção de Deus, na Sua infinita misericordia, com a convicção que Ele me deu mais uma chance, acompanhado do meu anjo e com a mesma camisa que entrei, do nosso Papão do Norte, do time de fibra e de garra, nosso Moto Club!
Enfim, resumo tudo com um
Muito Obrigado!
Amém!
* Presidente do Moto Club

Deixe uma resposta