Blog do ligeiro

Glauber Pinto apresenta criações de sua grife em exposição que homenageará “Vilãs do Cinema”

 

As peças farão referência a Cruella DeVil, vilã de produções cinematográficas norte-americanas eternizada nas interpretações das atrizes hollywoodianas Glenn Close e Emma Stone  

Uma boa notícia para aqueles que apreciam a arte do estilista maranhense Glauber Pinto. Duas criações da sua grife, Gritacuxá, farão parte da exposição “Vilãs do Cinema”, que estará aberta ao público a partir do dia 2, por todo mês de agosto, na galeria Floriano Teixeira, no Museu Artístico e Histórico do Maranhão (MAHM), na capital maranhense.

A convite do idealizador do evento, o professor e produtor de moda Cacau Di Aquino, a grife do estilista estará presente na exposição com peças que vão fazer referência a Cruella DeVil, vilã de produções cinematográficas norte-americanas inspiradas no romance infantil de 1956 de Dodie Smith, The Hundred and One Dalmatians, que já foi interpretada pela atriz hollywoodiana Glenn Close e, na sua versão mais recente, personificada “fashionisticamente” pela talentosa Emma Stone.

Em suas propostas, a grife traz uma criação assinada por Glauber e, uma outra pelo seu assistente, Heleno Silva, com a colaboração do Ateliê Pimentinha, uma das parcerias nos trabalhos em que é utilizado o crochê. “A proposta da grife é referenciada, sobretudo, no reaproveitamento de materiais – não só para ser exibido em um desfile ou em uma exposição, mas para ser comercialmente rentável e utilizável”, afirmou o estilista. As peças serão apresentadas pela renomada atriz de teatro, Rosa Everton e pela digital influencer, Lenny Gifoni.

A Exposição

Atividade de conclusão da disciplina “figurino”, do Curso Técnico em Produção de Moda (CPDModa), a exposição visa homenagear as personagens maquiavélicas e diabólicas da história do cinema mundial, que, segundo o professor Cacau de Aquino, muitas vezes fazem mais sucesso do que as próprias mocinhas. “O estrondoso sucesso dessas personagens chega a exercer influência em áreas que vão além do entretenimento, como no caso do mundo da moda, que através de editoriais e matérias em revistas como Vogue, Elle, e Marie Claire, dentre outras mídias, dedicam espaço significativo ao estilo dessas personagens”, pontuou.

Além das criações dos alunos do curso, a exposição contará com a colaboração de estilistas consagrados, como o próprio Glauber, Betus Silva (Betinho) e Berê Oliveira, criadora do CPDModa. Assim como a Cruella, da grife Gritacuxá, outras personagens de produções hollywoodianas serão homenageadas, como as rainhas de “Alice no País das Maravilhas”, “Branca de Neve e Caçador” e Scarlet Overkill, do filme “Minions”.

O projeto é mais um evento do movimento “Democratizando a Moda”, criado por Cacau, com o objetivo de levar para locais públicos eventos de moda, como os que já aconteceram na Biblioteca Pública Benedito Leite em 2019 e na Praça da Misericórdia em 2021. A abertura da exposição contará com performance do bailarino e ator Hélio Martins, que interpretará “A Serpente”, primeira vilã da história e que, segundo o imaginário maranhense, está adormecida sob a ilha de São Luís.

Serviço:

Local: Galeria Floriano Peixoto, no MHAM

Abertura: Dia 02/08/2022, das 17h às 19:30 (Entrada pela Rua São João)

Visitação: 03/08 a 31/08, das 14h às 17h, de terça à sexta (Entrada pela Rua do Sol)

Deixe uma resposta