Blog do ligeiro

Escândalo! Farra das diárias já consumiu mais de R$ 300 mil em Vargem Grande

Apenas dois auxiliares do prefeito receberam mais de R$ 100 mil em diárias

O vereador Jociedson Águiar (PL), da mesma bancada que cobrou do prefeito Carlinhos Barros, o destino de quase R$ 1 milhão que deveria ser usado no combate do novo coronavírus, revelou na última quinta-feira (16), durante participação em um programa de TV Local, o que pode se tornar o maior escândalo da história política de Vargem Grande, município que fica a pouco mais de 175 km de distancia de São Luís e que ficou conhecido por seu carnaval milionário nos últimos anos.

De acordo com o vereador, documentos comprovam um verdadeiro esquema para concessão de diárias que podem chegar a R$ 550 reais cada uma, para aliados do prefeito Carlinhos Barros. Os valores revelados durante o programa deixaram os professores do município, que sofrem com a desvalorização, chocados.

Um levantamento detalhado, mostra que o ex-secretário de Educação, Tiago Braz, que deixou o cargo para poder concorrer a uma vaga na Câmara Municipal na eleição de novembro, recebeu mais de R$ 66 mil reais para viajar para fora do município. Em alguns casos, os valores recebidos por diárias são maiores do que o próprio salário do mês.

Aliado de primeira hora de Carlinhos Barros e do próprio Tiago, o atual secretário Nonato Costa, que assumiu no lugar de Tiago Braz, é outro agraciado com aproximadamente R$ 40 mil reais em diárias para viagens.

Conhecidos por seus pontos turísticos famosos, os Estados da Bahia e Pernambuco foram um dos destinos da dupla de aliados, que juntos, receberam mais de R$ 100 mil reais para viajarem Brasil afora.

Além dos dois privilegiados por Carlinhos Barros, segundo denúncia do parlamentar, pelo menos mais 20 amigos do prefeito, teriam juntos, custado mais R$ 310 mil reais aos cofres municipais, tudo com pagamento de Diárias com o objetivo de viajar para fora do município.

Ouvimos um trabalhador autônomo do município, que revelou sua indignação com o escândalo. “Estou tentando receber R$ 600 reais do auxilio emergencial para sobreviver durante 1 mês com esse valor e saber que amigos do prefeito recebem R$ 550 reais por dia, totalizando mais de R$100 mil reais, é de deixar qualquer cidadão de nossa cidade revoltado.”

A denúncia das Diárias deve chegar ao conhecimento do Ministério Público e revelar uma teia de privilégios numa gestão marcada por nepotismo e camaradagem, assunto para uma outra postagem.

Deixe uma resposta