Blog do ligeiro

Deputado Wellington do Curso responde aos questionamento sobre visita ao Socorrão de Imperatriz.







O deputado estadual, Wellington do Curso (PPS), esclareceu na manhã, desta quarta-feira, sua visita ao município de Imperatriz, quando constatou em loco, a situação precária da saúde pública do nosso Estado.
“Na verdade, o problema da saúde pública no Estado do Maranhão é evidente, e ao participar de uma audiência publica,  em Imperatriz, eu fui pessoalmente visitar o Hospital Socorrão e alguns questionamento em relação a essa visita, o Deputado Wellington não criticou o Socorrão I e o Socorrão II de São Luís e veio falar mal do Socorrão de Imperatriz. Eu queria deixar bem claro para a população do Maranhão e em especial e carinhosamente a população de Imperatriz, que eu fiz, sim, visita, inspeção ao Socorrão I e Socorrão II, no dia 7 de abril de 2015, e trouxe para Assembleia Legislativa a denúncia do péssimo atendimento no Socorrão I e Socorrão II em São Luís, inclusive fiz uma comparação e chamei atenção da propaganda enganosa praticada pelo gestor público municipal de São Luís, o Prefeito Edivaldo Holanda Júnior, fazendo propaganda enganosa dizendo que não existe mais macas e nem filas nos corredores do Socorrão I e Socorrão II. E podemos constatar que na verdade o gestor público municipal falseava a verdade naquele momento, porque Socorrão I e Socorrão II continuam superlotados e com péssimo atendimento. Um atendimento de forma desumana e com os atendimentos nos corredores, com macas nos corredores, tanto no Socorrão I quanto no Socorrão II. Mas, senhor Presidente, quero me reportar à cidade de Imperatriz. E de forma carinhosa e atenciosa, não estou sendo oportunista e nem fui para Imperatriz simplesmente fazer essa denúncia. E aí me questionaram por que fui fazer essa denúncia em Imperatriz. E quero deixar bem claro para a população do estado do Maranhão que sou deputado do estado do Maranhão, deputado de 217 municípios, e a atenção e respeito que tenho pela população de Imperatriz. E chamo a atenção de uma Indicação nossa, número 040, de 11 de fevereiro de 2015, em que solicitamos ao Governo do Estado, ao Ministério da Educação e à Secretaria de Educação do Estado a implantação do curso de Medicina na UEMA de Imperatriz. Indicação n.º 522, de 22 de junho de 2015, nós fizemos uma Indicação para a Caema e para o Governo do Estado do Maranhão, solicitando água para todos, para a Vila Parati, município de Imperatriz. Indicação n.º 521, de 22 de junho de 2015, incluir o Programa Mais Asfalto na Vila Parati, também no município de Imperatriz. Implantação de duas Unidades de Segurança Comunitária (USC), no município de Imperatriz, nos bairros de Santa Rita e Vila Nova. Indicação n.º 543, de 26 de junho de 2015, solicitando a criação de postos de fiscalização em todo o estado do Maranhão e, inclusive, postos de fiscalização que contempla o Estado do Maranhão como um todo, em especial a cidade de Imperatriz, na BR-010, no Município de São Miguel, Tocantins, próximo à cidade de Imperatriz. Requerimento nº 435, de 26 de agosto de 2015, realizar uma audiência pública, que será no próximo dia 17, na Câmara Municipal de Imperatriz, a partir das 14 horas, para discutir os desafios dos profissionais de comunicação da Região Tocantina. Requerimento nº 444, de 31 de agosto, solicitando esclarecimentos da Secretária Municipal de Saúde e do Prefeito de Imperatriz com relação ao atendimento de saúde em Imperatriz. E hoje fizemos uma alteração, pedimos para que fosse retirado de pauta para que possamos retificar, corrigir o nosso requerimento, que seja feita uma visita de inspeção pela Comissão de Saúde da Assembleia Legislativa e do Centro de Apoio Operacional em Defesa da Saúde, que é um órgão ligado ao Ministério Público Estadual, para que façamos uma visita de inspeção em Imperatriz. E, no último final de semana, estivemos também em Imperatriz, realizando audiência pública em defesa da segurança pública da Região Tocantina. Então, à população do Maranhão, à população da Região Tocantina, à população de Imperatriz, fica aqui o meu respeito, o meu carinho, a minha atenção. E os incomodados tenham a certeza de que assim como conduzi a minha vida até aqui, eu tenho altivez, determinação. E eu só tenho uma defesa, só tenho um objetivo, defender o povo do Maranhão e Imperatriz está incluída, a Região Tocantina está incluída. E quem se sentir incomodado saiba que na próxima semana estarei novamente em Imperatriz em defesa do povo de Imperatriz. E somo a minha voz às vozes dos deputados que são da Região Tocantina, como no caso o professor Marco Aurélio, professor Léo, professor Antônio Pereira, melhor, doutor Antônio Pereira, deputada Valéria Macedo, enfim, deputado atuante da Região Tocantina, que Deus abençoe a todos, obrigado pela atenção”.

Deixe uma resposta