Blog do ligeiro

Covid-19: Indiano que contraiu variante Delta falece em hospital de São Luís

Um tripulante de naturalidade indiana que estava a bordo do navio MV SHANDONG DA ZHI, que recebeu da Anvisa autorização para atracar no Porto do Itaqui, após cumprir quarentena, faleceu neste último sábado (26) em um hospital particular de São Luís.

Ele estava internado desde maio, após testar positivo para uma nova variante do novo coronavírus, identificada como Delta e que possui origem na Índia.

O homem, cujo novo não foi revelado, tinha 54 anos.

Ontem, o Ministério da Saúde confirmou que uma mulher grávida, de 42 anos, morreu no Estado do Paraná após contrair a variante indiana.

Ela estava na cidade de Apuracana, no norte panarense, após ter retornado do Japão.

Segundo o Ministério, a gestante teve resultado negativo para Covid no teste de RT-PCR antes de embarcar para o Brasil. No entanto, a vítima começou a apresentar problemas respiratórios em 7 de abril, dois dias depois de chegar ao país. A paciente refez o teste, com resultado positivo.

Oito dias após a confirmação do diagnóstico, em 15 de abril, a gestante foi internada. Logo depois de passar por uma cesariana de emergência em 18 de abril, por causa do agravamento do estado de saúde, a mulher morreu. Nascido com 28 semanas de gestação, o bebê fez o teste para a doença, com resultado negativo.

A paciente morta está na origem do primeiro caso de transmissão comunitária no Paraná da variante Delta, identificada na Índia.

Deixe uma resposta