Públicidade Prefeitura
Blog do ligeiro

Adriano Sarney revela manobra do Governo para atropelar votações na Assembleia

Adrian fez discurso cujo foco foram os sucessivos projetos de lei aprovados em regime de urgência pela Assembleia

Adrian fez discurso cujo foco foram os sucessivos projetos de lei aprovados em regime de urgência pela Assembleia
“A Assembleia não pode ser utilizada como anexo do Governo. O Legislativo não pode servir de “cartório” das leis do Executivo”, declarou o deputado estadual Adriano Sarney (PV), na sessão desta quarta-feira (7) do parlamento estadual.
A declaração do deputado foi o desfecho de um discurso que teve como foco os sucessivos projetos de lei aprovados em regime de urgência pela Casa, a exemplo do que ocorreu com o aumento do ICMS, no início desta semana. Segundo o parlamentar, ocorre que os projetos são analisados pelas comissões técnicas e votados no plenário “a toque de caixa” e de forma antirregimental.
Segundo o parlamentar, o regimento da Casa não prevê a suspensão de uma sessão plenária em curso para convocar a comissão técnica para análise e aprovação, seguida de retomada da sessão para imediata votação.
O deputado observou que a manobra, que geralmente ocorrem em caso de projetos de lei enviados pelo Executivo, mas que também tem sido praxe de deputados governistas, enfraquece o Parlamento e pediu aos colegas deputados que condenem a “artimanha”.

Deixe uma resposta