BANNER

BANNER

quarta-feira, 13 de março de 2019

PRÉ-CANDIDATO A PREFEITO, JEISAEL MARX REPRESENTA SANGUE NOVO NA POLÍTICA LUDOVICENSE



 

A pré-candidatura a prefeito de São Luís do jornalista, radialista, apresentador de programa de televisão, publicitário, micro empresário, blogueiro e garoto propaganda do Maracap, Jeisael Marx, representa sangue novo na política da capital, assim como uma alterativa ao eleitor cansado da velha política e dos politiqueiros. Falta apenas definir o partido pelo qual concorrerá à sucessão do prefeito Edivaldo Holanda Junior (PDT).
Profissional da comunicação valioso, amigo leal e pessoa de um fino trato, Jeisael está decidido a dá sua colaboração para a cidade que o acolheu colocando seu nome para ser avaliado pelos eleitores da capital. “Minha candidatura a prefeito de São Luís é para valer e não tem volta”, afirma o pré-candidato, que já trabalha na montagem do grupo que lhe ajudará a desenvolver a campanha em 2020.
Nascido aos 18 de abril de 1979, em São Bento, Jeisael, que é apresentador da TV Difusora Canal 4, afiliada ao SBT, é conhecido por falar o que pensa em defesa daquilo que acredita, sem medo de se envolver em polêmicas. Na televisão, seus programas têm característica bastante popular e de utilidade pública, onde, além de notícias, são apresentadas denúncias, cobranças ao poder público de demandas das comunidades, e campanhas de solidariedade.
Resumo biográfico
Jeisael foi trazido para São Luis aos 05 anos de idade, quando sua mãe Diná de Jesus Pacheco casou-se com João Ferreira de Araújo, seu padrasto, a quem prefere chamar de pai. Muito ligado aos avós maternos que residiam na cidade do interior, Jeisael intercalava períodos de moradia e estudo entre São Bento e São Luis até sua adolescência.
Em 1992, com apenas 13 anos de idade se apaixonou por um veículo de comunicação, o Rádio, por época da implantação da primeira rádio evangélica de São Luis, a Esperança FM. Na casa da sua familia, de tradição evangélica, não era permitido ouvir outro tipo de música senão as religiosas.
Em 1996, após um período de trabalho em São Bento como locutor de Carro de Som, Jeisael se estabeleceu definitivamente na capital maranhense e passou a trabalhar como locutor na empresa Studio Produções Ltda, responsável pela sonorização distribuída em postes ao longo da Rua Grande, no Centro de São Luis, onde permaneceu por cerca de 4 anos. Foi lá que passou a ser chamado artísticamente de “Jeisael Marx”, uma sugestão do Radialista Airton Lima, um dos sócios da empresa.
Era o início de um grande aprendizado. O desejo de evoluir na profissão o levou a desenvolver outras habilidades. Assim, Jeisael passou a produzir textos publicitários e comerciais para veiculação em Carro de Som, porta de loja e também em emissoras de Rádio. Naquele mesmo ano, um convite para trabalhar numa Campanha Política levou o sambentonese para a cidade de São João dos Patos.
Atuando no mercado publicitário, Jeisael Marx participou de programas de TV em merchandising de empresas e produtos, apresentou diversos eventos como mestre de cerimônia, emprestou sua voz a inúmeras campanhas publicitárias de grandes empresas e campanhas políticas no Maranhão e em outros estados.
Em 2002, a convite do Radialista Léo Felipe, ingressou na Radio Mais FM como apresentador do programa “Show da Manhã”, sua primeira experiência como titular de um programa de Rádio. Buscou então o registro profissional através da formação técnica em Rádio e TV. Paralelamente, Jeisael iniciou uma vida empresarial em sociedade com Léo numa Produtora de Áudio e numa Locadora de Vídeo. Decidiu, então, buscar formação na área empresarial, e se graduou em Tecnologia de Gestão Empreendedora em 2006. A sociedade com Léo Felipe findou em 2007, mas a Produtora se mantém até os dias de hoje.
Em 2012, Jeisael Marx deixou a rádio Mais FM em razão de um convite para apresentar o “Qual é a Bronca?” na TV Cidade, afiliada à Rede Record, um programa com notícias da área policial. Imprime a sua marca: um jornalismo crítico e em defesa dos interesses da sociedade. Em razão de seu ingresso em um programa jornalístico, sentiu a necessidade de, mais uma vez, buscar aperfeiçoamento profissional. Ingressou na faculdade de Jornalismo naquele mesmo ano e formou-se bacharel em Comunicação Social em 2015, destacado como o melhor aluno de todas as turmas formadas naquele período na Faculdade Estácio São Luís, com a taxa de melhor aproveitamento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário