BANNER

BANNER

quarta-feira, 9 de janeiro de 2019

Deputado Wellington se reúne com aprovados para o CFO prejudicados pelo sistema informatizado da Uema

Wellington solicitou um posicionamento da Uema antes de ingressar com uma possível medida judicial
O deputado estadual Wellington do Curso recebeu uma comissão de candidatos aprovados para o Curso de Formação de Oficiais, por meio do PAES 2019 realizado pela Uema. Os alunos comprovaram ter sido prejudicados por uma falha do sistema informatizado que foi adotado pela universidade, que excluiu e alterou a posição de alguns candidatos. Como exemplo, há o caso do candidato Edio Veras Júnior que, inicialmente, estava na 36ª posição, dentro do número de vagas, e agora ocupa a 57ª, sendo apenas um classificado.
“Não estou pedindo favor. Fui aprovado dentro do número de vagas. Agora, depois de um erro deles, fui excluído das vagas”, lamentou um dos candidatos.
Sobre a situação, o deputado Wellington solicitou que a universidade se posicionasse, a fim de que não se tivesse que ingressar juridicamente para que a transparência quanto às notas fosse a regra.
“Desde o início, temos alertado para o fato de que esse novo sistema gerou uma insegurança à proporção em que é falho quanto à transparência. Um dos princípios da administração pública é a publicidade, ou seja, os atos devem ser públicos, claros, sem obscuridade. Inicialmente, divulgaram uma lista. Agora, uma outra lista em que candidatos antes aprovados passam a ser apenas classificados, sem ter, portanto, direito à vaga. Nosso posicionamento é firme em defesa dos estudantes do Maranhão”, afirmou o professor e deputado Wellington do Curso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário