quinta-feira, 4 de outubro de 2018

bomba: Servidores da prefeitura de Ribamar recebem cola apócrifa que pede voto até para Haddad

“Santinhos” estão sendo entregues para funcionários do município.
Servidores públicos do município de São José de Ribamar, na Grande Ilha de São Luís, estão recebendo, desde o início da semana, uma cola apócrifa que, segundo informações de funcionários e moradores, está sendo distribuída por aliados do prefeito Luis Fernando Silva, do PSDB, durante reuniões em vários bairros da cidade do Santo Padroeiro do Maranhão.
O material é apócrifo, e pode ser considerado como prova de crime eleitoral, por não possuir informações como CNPJ da gráfica responsável pela impressão e, tão pouco, dos candidatos citados, conforme determina a legislação eleitoral.
Na cola, constam todos os candidatos apoiados pelo tucano, quais sejam Hildo Rocha (deputado federal), Neto Evangelista (deputado estadual), José Reinaldo Tavares (senador), Eliziane Gama (senadora) e Flávio Dino (governador).
Foram escanteados Pedro Lucas Fernandes (PTB), candidato a deputado federal; Carlinhos Florêncio (PC do B) e Pará Figueiredo (PSL) – estes últimos tentam a reeleição e eleição, respectivamente, para Assembleia Legislativa.
O trio recebe o apoio camuflado de LF.
Com exceção de Hildo Rocha, prefeito tucano apoia candidatos ligados a Flávio Dino.
A surpresa trata-se do nome e número de Fernando Haddad, do PT, candidato do ex-presidente Lula, preso na Polícia Federal, em Curitiba, onde cumpre pena de 12 anos e 01 mês pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro.
Haddad é apoiado no Maranhão por Flávio Dino.