quarta-feira, 5 de setembro de 2018

Deputado Wellington debate com alunos e Pró-Reitoria de Ensino sobre vagas ociosas na UFMA

Wellington ressaltou que, na condição de professor, não poderia ignorar a solicitação dos estudantes
O professor e deputado estadual Wellington do Curso se reuniu, na manhã dessa segunda-feira (3), com uma comissão de alunos e com membros da Pró-Reitoria, sendo representada pela professora Dorivan Câmara, para tratar das vagas ociosas de Medicina na UFMA. Estiveram presentes também na reunião alunos, Silvia Duailibe, representando o Departamento de Organização Acadêmica, e, ainda, João Francisco Everton, diretor da Divisão de Acesso à Graduação. Embora a competência para tratar sobre o assunto seja federal, o deputado Wellington tem desempenhando a função de intermediar essa discussão entre a UFMA e acadêmicos.
“Não estamos aqui pedindo vaga. Estamos apenas querendo a oportunidade de disputar por uma. Todos sabem que há vagas ociosas sim e, agora, de forma repentina, a UFMA tenta negar a existência delas. Cadê a transparência?”, disse a estudante Luana.
Sobre o assunto, o deputado estadual Wellington do Curso colocou-se à disposição.
“Sou professor e, como tal, não poderia ignorar essa solicitação dos estudantes. Sabemos que a questão é de competência federal, cabendo à União decidir sobre o caso. Por essa razão, nosso principal papel aqui é o de intermediar essa discussão, a fim de encontrarmos uma solução para o caso.”, disse o professor e deputado Wellington do Curso.
Como encaminhamento, foi agendada uma audiência para o dia 09 de outubro, em que estarão presentes membros da UFMA, Defensoria Pública da União, Ministério Público Federal, Ministério da Educação, bem como terá a participação de alunos, candidatos que almejam as vagas ociosas e será aberta ao público.