sábado, 28 de abril de 2018

Roseana rechaça “fake news” propagadas por comunistas e reafirma candidatura ao governo

Roseana desmentiu boatos de desistência propagados por comunistas
A ex-governadora Roseana Sarney (MDB) reafirmou sua pré-candidatura à sucessão estadual e rechaçou os boatos espalhados pela mídia governista de que havia desistido de concorrer novamente ao Palácio dos Leões. A emedebista ainda alfinetou o grupo comunista ao declarar que o desejo do governador Flávio Dino (PCdoB) é de que o pleito seja disputado com candidatura única, por medo de enfrentá-la nas urnas.
Roseana chamou de “fake news” as informações propagada pela coalizão comunista de que teria viajado aos Estados Unidos para acompanhar os pais, José e Marly Sarney, em uma cirurgia que a mãe fará naquele país. Segundo a versão palaciana, a ida ao exterior sinalizaria o fim do projeto da ex-governadora de voltar a comandar o Executivo estadual.
A declaração de Roseana de que é candidatíssima frustrou as expectativas dos governistas, pois agora, mais do que nunca, Flávio Dino está obrigado a dizer a que veio, sob pena de ser derrotado com a máquina pública nas mãos.
O recado de Roseana foi claro e direto e põe fim às expectativas dos comunistas de ir para o pleito sem ter que enfrentar uma candidatura competitiva.