quarta-feira, 10 de janeiro de 2018

Flávio Dino anuncia nova reforma administrativa para fevereiro

Durante entrevista ao jornalista Clodoaldo Corrêa, o governador Flávio Dino (PCdoB) afirmou que, tão logo passe o período carnavalesco, iniciará uma nova reforma administrativa em seu governo que será ocasionada pelo desejo de alguns de seus secretários em disputar as eleições deste ano.
Dino trabalhava com a ideia de manter os secretários/candidatos nos cargos até o mês de abril, prazo máximo para desincompatibilização.
No entanto, resolveu antecipar as alterações como forma de não prejudicar o funcionamento da máquina estatal.
Pelo menos nove auxiliares do comunista, até o momento, estão confirmados como pré-candidatos aos cargos de deputados estadual e federal.
O time que pretende concorrer à Assembleia Legislativa é formado pelos seguintes nomes [inclusive, já confirmados por Dino]: Marcelo Tavares (Casa Civil), Duarte Júnior (Procon/Viva), Adelmo Soares (Agricultura Familiar), Neto Evangelista (Desenvolvimento Social) e Márcio Honaiser (Agricultura e Pesca).
Para a Câmara Federal, os postulantes são: Márcio Jerry (Comunicação e Assuntos Políticos), Pedro Lucas Fernandes (Agência Executiva Metropolitana), Simplício Araújo (Indústria e Comércio) e Julião Amin (Trabalho).
É claro que alterações e até novidades podem surgir. Odair José, ex-presidente do Sinproesemma e atual comandante da CCL, por exemplo, trabalha nos bastidores para tentar viabilizar seu nome como pré-candidato a estadual.
Apesar de negar, Clayton Noleto, da Infraestrutura, é outro que também ainda não desistiu de tentar pavimentar uma pré-candidatura.
Substitutos – Flávio Dino, na entrevista, apenas afirmou que já começou a trabalhar os nomes dos substitutos e preferiu não fazer nenhum tipo de antecipação.
Senado e vice – O governador ainda esperará um pouco mais para definir o seu companheiro de chapa e o segundo político que irá compor a chapa senatorial do seu grupo.
A previsão é de que Dino bata o martelo e anuncie publicamente somente no fim de março.
Correm como favoritos o atual vice-governador Carlos Brandão, que irá se filiar ao PRB, e o deputado federal José Reinaldo Tavares, que ingressará no DEM; respectivamente.
Blog do Gláucio Ericeira