sexta-feira, 3 de novembro de 2017

Corpo da menina Alanna é encontrado no quintal de sua casa

Alanna Ludmila, desaparecida desde quarta-feira, 1º de novembro
Até o momento, o principal suspeito é seu ex-padastro, Robert Serejo Oliveira
O corpo da menina de 10 anos, Alanna Ludmila, foi encontrado na manhã desta sexta-feira, dia 3, no terreno ao lado da sua casa. As informações foram confirmadas pelo Coronel Aritanã, do 13º Batalhão da Polícia Militar que está à frente do caso.
Um dos vizinhos sentiu forte odor vindo do quintal e encontrou o corpo da menina, que estava coberto por telhas e pedras.
Confira mais informações na nossa live no Facebook:
O principal suspeito de ter sequestrado e matado Alanna é o seu ex-padastro, Robert Serejo Oliveira, de quem a mãe havia se separado recentemente. Ele ainda chegou a prestar depoimento na madrugada posterior ao dia do desaparecimento da menina. Logo em seguida, sumiu.
Entenda o caso
Na manhã desta quarta-feira, dia 1º, a mãe de Alanna, Jaciane Borges Pereira, deixou a menina sozinha em casa para participar de uma entrevista de emprego. Ao retornar, 4 horas mais tarde, não teria encontrado novamente a filha.
Segundo Jaciane, a menina já tinha ficado sozinha outras vezes em casa e sabia, inclusive, que não deveria abrir a porta para ninguém sem a presença da mãe.