terça-feira, 17 de outubro de 2017

Às Professoras do Município de Zé Doca

Por Clésio Cunha -Juiz de Direito
Fui alfabetizado antes de chegar na Escola. Minha professora obrigava-me a ler e interpretar os Salmos de Davi. Com o Salmo 139 obrigou-me a ir além do que me era permitido pra idade. Obrigava-me a escrever palavras e sentenças vocabulares de versículos bíblicos. Com o tempo fui obrigado a ler, decorar e aprender a Cartilha Nordeste, e nessa cartilha aprendi o primeiro verso: ” Eu não sou barqueiro de vela, mas sou um bom remador, no Lago de São Lourenço dou provas de meu valor”.
Sorte minha que sou filho da Professora Isabel Coelho Cunha, a quem agora não posso agradecer em vida, mas em nome dela e das professoras Miguelina, Angelina, Nazira, Marilu, Salazar, Paixão, Helena, e meu tio Professor Francisco Coelho, alguns já na falecidos, parabenizo todos os professores de Zé Doca.
Sem minha mãe e estes professores, não sei o que eu seria nessa minha vida..