quarta-feira, 19 de outubro de 2016

João Alberto também afirma que Braide buscou apoio do PMDB no 1º turno

Senador João Alberto
Senador João Alberto
O senador João Alberto falou com exclusividade ontem com o blog do Ronaldo Rocha, sobre a polêmica levantada pelo deputado estadual Adriano Sarney (PV) na eleição municipal de São Luís, que diz respeito à movimentação do candidato a prefeito Eduardo Braide (PMN) no primeiro turno.
Aparentemente chateado com as declarações de Braide na propaganda eleitoral, João Alberto também confirmou conversa com o candidato.
“Não foi apenas uma vez. Foram duas vezes, todas na sede estadual do PMDB. E há testemunhas. Numa dessas reuniões o deputado João Marcelo inclusive estava presente. E lá o deputado Eduardo Braide buscou apoio do partido para a disputa da eleição”, disse.
Ele afirmou que a legenda negou apoio a Braide, uma vez que tinha como candidato o vereador Fábio Câmara (PMDB).
“Eu expliquei a ele que já tínhamos o nosso candidato, que seria impossível formar coligação com o partido dele. Agora dizer que jamais buscou apoio do PMDB ou do grupo Sarney, ele está faltando com a verdade. Buscou sim”, finalizou.
Outro lado
Eduardo Braide se posicionou ontem sobre o tema por meio de nota. No documento, ele admite ter conversado com diferentes alas políticas, uma vez que tinha apenas 10 segundos de tempo na propaganda política. Disse, contudo, que jamais fez acordo com partido ou liderança política e reafirmou independência na disputa eleitoral.