quinta-feira, 25 de agosto de 2016

Comissão de Saúde da AL vai tentar acordo entre agentes comunitários e Estado

Comissão de Saúde vai mediar audiência entre agentes comunitários e governo do Estado
A Assembleia Legislativa do Maranhão, através da Comissão de Saúde, está tentando intermediar, o cofinanciamento por parte do governo do Estado aos agentes comunitários do Maranhão.
O deputado Antônio Pereira (DEM), irá mediar a audiência que foi feita pela Federação Maranhense dos Agentes Comunitários de Saúde – FEMACS, em virtude – segundo ofício encaminhado à Comissão de Saúde –  do governo do Estado, através da Secretaria de Estado da Saúde, não ter cumprido a contrapartida assegurada quando da campanha eleitoral. O ofício destaca que em reunião com o ex-secretário Marcos Pacheco foi discutido de que forma o governo assumiria a contrapartida, haja vista que o Programa dos Agentes Comunitários de Saúde é custeio Tripartite.
Segundo o documento, em julho do ano passado, durante a realização de um seminário o então secretário Marcos Pacheco garantiu que o cofinanciamento sairia no mês de janeiro desse ano; sendo 80% para os agentes comunitários e 20% para os técnicos e enfermeiros.
“Até a presente data nenhum dos governantes assumiu essa  obrigação, por isso, em uma reunião ocorrida em abril desse ano entre a Federação, os Sindicatos Regionais, Delegacias Municipais dos Agentes Comunitários de Saúde, deliberamos pela realização da audiência para que a Assembleia Legislativa faça a intermediação.
“Nós iremos mediar o tema entre os agentes e o governo do Estado para que  essa questão seja resolvida, pois o trabalho dos agentes comunitárias são importantíssimos para a saúde do povo maranhense”, disse o deputado Antônio Pereira