Com os dez jogos marcados para esta terça-feira (14), a nona rodada da Série B do Campeonato Brasileiro chega prometendo muita emoção. Alguns duelos envolvem equipes que estão colocadas na parte de cima da tabela e prometem muita luta pelo G-4 da competição. Uma briga que continua boa é pela liderança. Após a vitória do Atlético-GO sobre o Vasco, o Dragão igualou os 19 pontos do Gigante da Colina e está atrás agora somente pelo saldo de gols.
O Cruzmaltino, líder do campeonato, recebe o Náutico, quarto colocado na tabela de classificação, às 19h15 (de Brasília), em São Januário. O clube carioca conta o retorno de Nenê, que cumpriu suspensão na última partida. O Timbu espera que a força de seu ataque continue. Com 18 gols em oito rodadas, o clube pernambucano é dono do ataque mais positivo da competição. No mesmo horário, o segundo colocado, Atlético-GO, vai ao estado de Santa Catarina para enfrentar o 14º colocado Joinville em sua Arena. Os goianos têm um desfalque importante: Júnior Viçosa foi expulso diante do Vasco e terá de cumprir suspensão. O técnico Marcelo Cabo tem como opções para suprir a ausência Alison e Luís Soares. O JEC também tem uma baixa no setor ofensivo, já que Cléo Silva está suspenso. O treinador Hemerson Maria tem como alternativas os atacantes Adriano, Gabriel Vasconcelos, Fernando Viana e Murilo.
Outro jogo que também promete mexer com a parte de cima da tabela entre Criciúma, sexto colocado com 13 pontos, e Bahia, que está na terceira posição, com 17. O duelo será às 19h15 (de Brasília), no Heriberto Hulse. O Tigre poderá contar com o volante Barreto e também existe a possibilidade do retorno do lateral-esquerdo Marlon, que ainda será avaliado. O atacante Jheimy, que ainda aprimora a forma física, também pode ficar à disposição do técnico Roberto Cavalo. No Tricolor de Aço, Doriva tem um desfalque importante no ataque. Edigar Junio está vetado por conta de uma lesão no tornozelo. Assim, a tendência é que Hernane seja o único atacante do time.
Na Arena Baueri, às 19h15 (de Brasília), o Oeste-SP recebe o Londrina. Jogando como mandante, a equipe de Itápolis vem de um empate com o Goiás onde não teve a atuação aprovada pelo técnico Fernando Diniz. Desta forma, o objetivo é vencer para mudar a impressão do comandante e buscar a aproximação ao G-4. No Tubarão, o treinador Claudio Tencati não pode contar com o lateral-direito Igor Bosel, o meia Rafael Gava e o atacante Jô, todos suspensos pelo terceiro cartão amarelo, e com o zagueiro Silvio, machucado. Com 20 atletas relacionados para a viagem, o comandante não deu indícios sobre os substitutos.
No mesmo horário das 19h15 (de Brasília), no Serra Dourada, Vila Nova e Sampaio Corrêa fazem um confronto com um mesmo objetivo: se afastar da zona de rebaixamento. O Tigre é o 16º colocado e a Bolívia Querida é o 19º. O Vila entra em campo com mudanças. O técnico interino Cuca deve lançar Jefferson Feijão, Vinícius Simon e Fabinho nos lugares de Maguinho, Anderson e Roger. No Tricolor maranhense, há duas baixas: com desconforto muscular, o meia Daniel Barros, que vinha sendo titular, e o atacante Pimentinha, estão fora. O técnico Wagner Lopes não definiu os substitutos. Também em busca de uma evolução na tabela, o último colocado Tupi-MG recebe o Luverdense, que está na 9ª colocação, no Estádio Municipal de Juiz de Fora. O técnico Estevam Soares fechou o treino da última segunda (13) e fez mistério com relação ao time do Galo Carijó. No Verdão do Norte, o treinador Júnior Rocha tem dois desfalques confirmados: o zagueiro Luiz Otávio e o lateral Régis. Por outro lado, o lateral Raul Prata está novamente à disposição. No Durival Britto, também no horário das 19h15 (de Brasília), o Paraná, 13º colocado, recebe o Goiás, 17º. Recuperados de lesão, o lateral-esquerdo Rafael Carioca e o volante Jean devem ser as novidades do time da casa no confronto. No lado do Esmeraldino, o técnico Léo Condé, que fará a estreia no comando da equipe, deve repetir a escalação da partida anterior.
Os três jogos das 21h30 (de Brasília) fecham a rodada. No Castelão, o Ceará recebe o Brasil-RS. O Vozão conta com o retorno do meia Felipe, mas tem uma baixa no meio: o volante Baraka está fora. No clube de Pelotas (RS), a ideia é buscar a vitória para tentar retornar ao G-4. No Rei Pelé, CRB e Bragantino medem forças. O técnico Mazola Júnior não poderá contar com Gerson Magrão, Neto Baiano, Elton Lira e Juliano para escalar a equipe regatina. No Massa Bruta, o treinador Toninho Cecílio terá duas baixas no time. O atacante Léo Jaime sentiu uma contusão no empate em 0 a 0 com o Paysandu, na rodada anterior, e o lateral-direito Guilherme Andrade está suspenso. Na Curuzu, o Paysandu recebe o Avaí. Pelo Papão, Celsinho e João Lucas estão fora. No Leão da Ressacada, a ordem é buscar o triunfo mesmo fora de casa para apagar a má impressão deixada após a derrota no clássico para o Joinville.