quarta-feira, 15 de junho de 2016

Peritos criminais também cruzarão os braços


Peritos criminais farão paralisação de 48 horas por melhor salário
Peritos criminais farão paralisação de 48 horas por melhor salário
Além dos policiais civis, os peritos oficiais do Estado do Maranhão entrarão em greve a partir desta quinta-feira (16/06). Em assembleia geral realizada no último dia 9, na sede do Instituto de Criminalística (Icrim), a categoria decidiu rejeitar a proposta apresentada pelo Governo do Estado, por achá-la insatisfatória.
Após uma negociação exaustiva de um ano e seis meses, na qual a categoria já havia cedido a todos os pedidos do governo, o Poder Executivo estadual decidiu apresentar uma tabela de reajuste que consideram humilhante, de 15%, divididos em três parcelas, de 6%, 6% e 3%, respectivamente para os anos de 2016, 2017 e 2018.
Igual proposta foi apresentada aos policiais civis, que também recusaram sumariamente e também decidiram pela greve.
Sem acordo e sentindo-se desprestigiada, a categoria não teve outra escolha senão deliberar por uma paralisação de 48 horas, a partir de amanhã.