terça-feira, 24 de maio de 2016

Júnior Verde apresenta Indicação solicitando ações de reforço à Segurança Pública



Presidente da Frente Parlamentar de Segurança Pública e Privada, o deputado estadual Júnior Verde (PRB) apresentou nesta segunda (23) Indicação solicitando a adoção de uma série de medidas que considera essenciais para melhorar a segurança pública, especialmente na região metropolitana de São Luís. Durante pronunciamento na Tribuna da Assembleia Legislativa, o parlamentar lamentou os ataques a ônibus que trouxeram sentimento de insegurança à população, desde a última quinta (19).
“Sempre temos feito pautas de sugestões para melhorar a segurança pública. Hoje, estou entrando com uma Indicação com vários pontos importantes para o combate à violência no estado do Maranhão”, explicou Júnior Verde.
As medidas elencadas na Indicação versam essencialmente sobre: agilidade na transferência de todos os líderes de facções criminosas para presídios federais; implantação imediata de bloqueadores de sinais de celulares nos presídios; aquisição de mais viaturas e armamentos; implantação dos postos estaduais de policiamento em todo o Estado, com vistas à coibir o tráfico de drogas e armas; implantação do sistema de cartões pré-pago em todo o sistema de Transporte Público Coletivo, acabando com a circulação de dinheiro nos ônibus; realização de concurso público para as polícias Militar, Civil e Corpo de Bombeiros, visando reforço e ampliação do serviço de inteligência e de investigação; blindagem das viaturas, com o objetivo de garantir mais segurança; criação de um grupo especializado no combate a assalto a bancos; desenvolvimento de políticas de ressocialização no sistema prisional no Estado; criação de um sistema integrado entre as Secretarias estaduais visando investimentos sociais nas áreas de risco; implantação dos Conselhos de Segurança Pública, proporcionando a interação entre a Secretaria de Segurança e as comunidades; e criação de mais Varas de Execução Penais, para maior agilidade e melhor aplicação das penas.
A proposição foi encaminhada ao Governador Flávio Dino, ao secretário de Segurança Pública, Jefferson Portela, e ao comandante da Polícia Militar do Maranhão, José Frederico Gomes Pereira. “São medidas que refletem sobretudo as reivindicações oriundas da própria Polícia Militar, e que precisam ser tomadas, vez que estamos diante de uma situação emergencial”, justificou.
Força Nacional de Segurança – Sobre a vinda da Força Nacional ao Maranhão, prevista para esta terça (24), Júnior Verde afirmou que é válida, mas trata-se de um paliativo.
“Não resolve. Não resolve o problema de Segurança Pública do Estado, mas reforça a segurança em um momento emergencial. Queremos a implementação dessas ações.