terça-feira, 12 de abril de 2016

Juiz enquadra Flávio Dino e orienta a ficar menos tempo nas redes sociais


“Talvez se o governador do Estado passasse menos tempo em redes sociais justificando e apoiando a má gestão dos outros, os problemas da gestão estadual seria menor (sic) e já tivéssemos um defensor público para atender o jurisdicionado desta comarca”, assim o juiz Paulo de Assis Ribeiro, da Comarca de Vargem Grande, se posicionou em despacho sobre um processo em que um cidadão não pode constituir um advogado pela ausência de defensores públicos na maioria dos municípios.

despachoO uso das redes sociais foi a melhor maneira em que o governador encontrou para divulgar seus atos, mandar recados para políticos da oposição ou defender o mandato da presidente Dilma Rousseff.
Neste aspecto, Flávio Dino foi seguido por vários auxiliares, a exemplo de Márcio Jerry que virou maníaco por Twitter.
A decisão do juiz foi relatada no dia 7 de abril.