quinta-feira, 21 de janeiro de 2016

LICITAÇÃO DOS TRANSPORTES É DISCUTIDA COM A POPULAÇÃO

No diagnóstico, realizado através de pesquisa com usuários, foi constatado que 30% das reclamações se devem a tarifas e 70% à falta de qualidade no serviço. A partir do diagnóstico, ficou determinado como objetivo da licitação do sistema de transporte a melhoria na qualidade do serviço, inserção de veículos mais novos e com tecnologias atualizadas, maior quantidade de veículos e oferta de viagens, sistema mais organizado e eficiente, sistema moderno de cobrança e controle tarifário através de melhoria de controle de cobrança.

16432_audiencia_publica_sobre_transporte_publico_fiema_200116_fotobaeta16

O auditório da Federação das Indústrias do Estado do Maranhão – FIEMA, ficou pequeno com a participação de lotado e com a participação de vários segmentos da sociedade, a Secretaria Municipal de trânsito e transportes – SMTT, realizou ontem (20), a audiência pública tanto esperada, para tratar da Licitação do Sistema de Transporte Coletivo da capital. De acordo com a Lei Complementar 76 / 2014.

A audiência possibilitou a participação popular de vários segmentos envolvidos na realidade do transporte público, tais como categorias e representações de usuários, líderes comunitários de vários pontos da cidade, vereadores, empresários do setor de transportes, instituições ligadas à defesa dos usuários de transporte público (Procon, Promotoria de Defesa da Pessoa com Deficiência, OAB, Empresa de Mobilidade Urbana), bem como expor para o conhecimento de todos os critérios analíticos, técnicos e jurídicos nos quais se baseiam a formulação do edital de licitação.

Para o secretário Canindé Barros, a avaliação da audiência foi positiva, uma vez que foram ouvidos vários segmentos da sociedade e dos representantes de usuários e das comunidades. “Gostaria de afirmar que o único gestor que priorizou a licitação foi o prefeito Edivaldo. Para isso, designou desde o início da gestão a organização e modernização do sistema, inserindo várias ações e benefícios, como a biometria facial, GPS, recarga embarcada, bilhete único, além da renovação substancial da frota“, lembrou

O líder do governo na Câmara, vereador Osmar Filho (PDT), também participou efetivamente nas discussões e reiterou que esta gestão será marcada na história pela bravura de ter concretizado uma licitação do transporte que há anos era aguardada pelos ludovicenses. “Enquanto outros prefeitos dessa cidade prometeram e não fizeram, o prefeito Edivaldo enfrentou o problema com vontade. Logo assim que concluída a licitação, o povo de São Luís terá um transporte público eficiente e de qualidade. Todos verão os benefícios e reconhecerão o esforço do prefeito“, assinalou.

Outro vereador que debateu com a comunidade, foi o vereador Pedro Lucas (PTB), que também elencou os avanços e melhorias e disse que estará sempre do lado da população ludovicense enquanto no papel de fiscalizador o processo está seguindo a sequência correta.

TRANSPORTE ALTERNATIVO

Objeto de questionamentos durante as exposições da audiência, o transporte alternativo também será inserido no processo de licitação, segundo Canindé Barros, a modalidade de transporte consta no estudo de licitação como serviço complementar, no entanto só terá discutida a questão após a realização do processo licitatório.

EDITAL

O edital da licitação na audiência pública pela SISTRAN Engenharia, empresa responsável pela elaboração do documento, foi composta pelo cronograma de ações que fazem parte da licitação: audiência realizada na Câmara de Vereadores em 2015; segunda audiência na FIEMA, em 2016, onde foram apresentados o projeto básico e o marco legal do edital; publicação do edital, que deve ocorrer em fevereiro; recebimento de propostas das empresas interessadas; julgamento e publicação dos vencedores; assinatura de contrato; início da operação em fase de transição e operação completa por parte das empresas operadoras.