terça-feira, 5 de janeiro de 2016

Governo e Prefeitura querem reduzir Carnaval de passarela

BLOG Daniel Matos
Possível corte da programação da Passarela do Samba tirará ainda mais o brilho do Carnaval (Foto: Biné Morais)
Possível corte da programação da Passarela do Samba tirará ainda mais o brilho do Carnaval (Foto: Biné Morais)
Uma notícia nada agradável está causando alvoroço entre grupos carnavalescos, imprensa especializada e foliões mais animados: a intenção do Governo do Estado e da Prefeitura de São Luís de reduzir em um dia a programação de Carnaval na Passarela do Samba, montada todos os anos no Anel Viário. A proposta vem sendo duramente criticada pelo segmento cultural, que prevê o enfraquecimento da festa caso o plano seja concretizado.
Segundo uma fonte do blog com estreita ligação com a área da cultura popular, a ideia é suprimir a Sexta-Feira Gorda de Carnaval do cronograma de desfiles na passarela. Assim, a programação, que sempre se estendeu por cinco dias, seria resumida a quatro.
O corte cancelaria o desfile dos blocos tradicionais do grupo B, que tradicionalmente abrem a festa na avenida. As apresentações seriam extintas, a não ser que fossem acomodadas em um dos quatro dias restantes.
A ameaça de redução da programação na passarela seria um duro golpe nas agremiações carnavalescas e nos adeptos da folia. Se em 2015 o Carnaval já foi capenga, este ano perspectiva é ainda pior.