quinta-feira, 10 de dezembro de 2015

Fábio Braga participa da Feira Agropecuária da Bahia e traz boas experiências para o Maranhão

O deputado Fábio Braga (PTdoB) ocupou a tribuna da Assembleia Legislativa na manhã de quarta-feira (9), para comunicar que participou, em Salvador (BA), na quinta-feira (3), da Feira Internacional da Agropecuária da Bahia (Fenagro) - a convite do presidente da Associação de Caprinos e Ovinos do Estado da Bahia (ACCOBA), Almir Lins e do presidente da Associação Brasileira dos Criadores de Caprinos (ABCC), Arlindo Ivo.

Em seu pronunciamento, o deputado Fábio Braga destacou que a Fenagro 2015 superou as expectativas dos promotores, dos organizadores e dos criadores, pois, apesar da crise financeira que consterna o Brasil e atinge a maioria dos setores da economia, os parques de exposições e leilões ficaram lotados com milhares de visitantes e movimentaram negócios calculados em cerca de R$ 90 milhões.

Durante a Fenagro, Fábio Braga observou dois importantes aspectos: o primeiro é como são realizadas feiras agropecuárias nos estados do Nordeste; o segundo é a questão da agricultura familiar, tão bem difundida em vários estados brasileiros, principalmente no Maranhão, com o incentivo do governador Flávio Dino, que inclusive criou a Feira da Agricultura Familiar e Agrotecnologia do Maranhão - Agritec para incentivar o setor.

Em conversa com o secretário da Agricultura da Bahia, Vitor Bonfim, e com os pequenos produtores e criadores, Fábio Braga soube que o Estado tem sofrido com a seca, mas procura se desenvolver, por meio da produção e da criação desse setor, especialmente buscando créditos junto ao Banco do Nordeste, ao Banco do Brasil e à Caixa Econômica Federal, os principais patrocinadores da Feira Agropecuária da Bahia.

ALTERNATIVAS PARA O PRODUTOR

Para Fábio Braga, a Fenagro encheu os olhos dos participantes, com espaços destinados à agricultura familiar de causar inveja. “Trago essa experiência aos secretários do setor agropecuário do nosso estado. Podemos movimentar as exposições do Maranhão, criando alternativas para o pequeno produtor e criador divulgar e principalmente vender seus produtos artesanais e gastronômicos e  pequenos animais ”, afirmou.
        
Na avaliação de Fábio Braga, sua visão  adquirida na Feira Internacional Agropecuária da Bahia, pode muito bem ser usada para aperfeiçoar aquelas que já acontecem precariamente no estado do Maranhão. Ainda na Bahia, Fábio Braga participou da Feira Nacional de Criadores de Caprinos das raças Anglo-Nubiana e Boer.        

O parlamentar comentou que o Maranhão, por ter o segundo maior rebanhor de bovinos do Nordeste, chama a atenção dos criadores que têm curiosidade em conhecer nossas potencialidades, especialmente porque o Porto do Itaqui já iniciou a exportação de animais vivos. “Com a abertura do comércio para novos países, podemos vislumbrar um Maranhão crescendo e dando certo”, acredita.                
A Fenagro foi realizada pela Associação de Criadores de Caprinos e Ovinos da Bahia (Accoba), em parceria com o governo do Estado, por intermédio da Secretaria da Agricultura (Seagri) e do Centro Tecnológico da Agropecuária, e da Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), que organiza, dentro da Fenagro, a Feira da Agricultura Familiar e Economia Solidária (Febafes).