segunda-feira, 23 de novembro de 2015

Deputado Wellington mantém intensa atividade parlamentar e trabalha em várias frentes

Deputado Wellington cobrou mobilização da classe política maranhense para a conclusão da duplicação da BR-135
Deputado Wellington cobrou mobilização da classe política maranhense para a conclusão da duplicação da BR-135
O deputado estadual Wellington do Curso (PPS) continua atuando em várias frentes em seu mandato. Semana passada, ele manteve o ritmo intenso de trabalho que vem marcando os quase 10 como membro do parlamento estadual.
Incansável, Wellingtou defendeu a mobilização da classe política para cobrar a conclusão da duplicação da BR-135. Na tarde da última quarta-feira (18), ao participar da reunião da Comissão de Obras e Serviços Públicos da Assembleia Legislativa, com o Superintendente do Departamento Nacional de Infraestrutura e Transportes (DNIT/MA), Gerardo Freitas, Wellington manifestou sua decepção diante das informações repassadas e defendeu ações efetivas para, de fato, garantir que aobra seja concluída em sua totalidade e não apenas o primeiro trecho, de São Luís a Bacabeira, que também apresenta problemas.
“Vamos apelar à nossa bancada no Congresso Nacional para se juntar a nós. O que nós observamos nos últimos dez meses, na verdade, é o descaso, o desrespeito com a população maranhense”, conclamou. “O que tem acontecido e o que aconteceu com a paralisação dessas obras é um calote ao povo maranhense e ao Estado do Maranhão e é a segunda vez no ano de 2015”, denunciou.
Contas de água
Wellington foi ao Caratatiua ouvir reclames da comunidade sobre escassez de água e cobrou providência da Caema
Wellington foi ao Caratatiua ouvir reclames da comunidade sobre escassez de água e cobrou providência
O deputado utilizou a tribuna na manhã da última quinta-feira (19) para cobrar da Caema a regularização do abastecimento de água no bairro Caratatiua e a disponibilização, pela companhia, de um carro-pipa para servir à comunidade, a fim de atenuar a escassez enfrentada pela população, que já sofre há meses com a falta d’água.
“É inegável que sem água não há vida na terra, dada a essencialidade desse elemento. Vale mencionar a íntima ligação entre a água e o direito à vida e com a dignidade da pessoa humana. Infelizmente, apesar do caráter fundamental que permeia o fornecimento de água, há meses a população de Caratatiua sofre com a falta desse líquido tão precioso. O problema não é específico de algumas localidades, mas se estende a todo o bairro com a sutil diferença de intervalo de tempo em que cada parte está sem ter acesso ao elementar existencial, isto é, à água”, pontuou o parlamentar.
Segurança pública
No mesmo dia, participou da quarta reunião do Programa de Ações Integradas de Fortalecimento da Segurança Comunitária do Maranhão, que objetiva regulamentar os Conselhos Comunitários, por meio de uma lei estadual. A reunião foi uma iniciativa da Frente Parlamentar de Segurança Pública e Privada da Assembleia Legislativa e contou com a presença do deputado Júnior Verde (PRB), que presidiu os trabalhos, e de conselheiros de diversos bairros de São Luís.
Deputado Wellington defendeu aperfeiçoamento do projeto
Wellington defendeu aperfeiçoamento do projeto para uma melhor segurança
Wellington e os demais participantes realizaram a leitura da minuta do projeto que cria o Conselho Estadual de Segurança Pública do Estado. O deputado e outros cidadãos presentes pontuaram sobre as alterações necessárias ao aperfeiçoamento do texto, dentre as quais estrutura, composição, competências e funcionamento do órgão. “O projeto visa à integração entre as forças militares e a atuação das comunidades nos bairros. Tem-se, assim, por objetivo, aproximar o Estado e, por conseguinte, a polícia da população. Ora, enquanto o ‘Estado’ se mantém distante dos mais vulneráveis, o tráfico e outras formas de criminalidade estão de braços abertos e rodeando nossos jovens e crianças. Talvez seja esse um dos motivos pelos quais a violência tornou-se protagonista em um cenário em que a paz e o cumprimento de direitos fundamentais é quase inexistente”, observou.
Deficientes
Vice-presidente da Comissão de Defesa dos Direitos Humanos e das Minorias da Assembleia Legislativa do Maranhão, Wellington do Curso formulou, mais uma vez, proposições em defesa das pessoas com deficiência. Dessa vez, o parlamentar apresentou projeto de lei que torna obrigatória a disponibilização de mobiliário adequado a alunos com deficiência física ou mobilidade reduzida em estabelecimentos de ensino.
Wellington solicitou, ainda, que a Assembleia Legislativa disponibilizasse, em site oficial (www.al.ma.gov.br), as leis estaduais em áudio, a exemplo do que já acontece na Câmara e Senado Federal. Além disso, o deputado solicitou audiência pública para discutir sobre o acesso das pessoas com deficiência ao transporte público de São Luís, a fim de ouvir a população e, então, articular ações que atenuem a problemática.