quarta-feira, 11 de novembro de 2015

Delegada cancela promoção de prostitutas em puteiro

709eced5-d7f1-4b8d-b5b4-9f142ff47dcc
A delegada da Mulher da cidade de  Teresina Vilma Alves, determinou a interdição de uma boate localizada no Centro da capital que oferecia aos frequentadores rodízio de mulheres por R$ 150,00 reais. O cartaz confeccionado  tem como proposta sexos com várias mulheres até que o homem ficasse satisfeito sexualmente e tudo isso por um pequeno valor.
A festa seria realizada no dia 20 de novembro, porém a delegada caracterizou o evento como exploração sexual. A delegada Vilma acionou o delegado geral da Policia Civil de Teresina e o promotor Francisco de Jesus que combate a violência doméstica contra mulheres.
Em contato com os donos da boate eles negaram que estivessem promovendo qualquer tipo de evento da espécie. Uma festa da mesma origem e na mesma data também estaria sendo divulgada no estado de Minas Gerais.