quarta-feira, 21 de outubro de 2015

Após negativa de Manaus, Santos tenta levar jogo para o Maranhão

O Santos não teve sucesso e recebeu uma negativa da Arena da Amazônia, em Manaus, onde queria mandar o jogo contra o Flamengo, no dia 18 de novembro, pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro. Depois de uma consulta, o Peixe recebeu como resposta que o estádio estará ocupado. Desta forma, o próximo alvo é o Castelão, do Maranhão.
Com o mando de campo vendido para uma empresa, o Peixe terá todas as despesas pagas e o direito a 60% da bilheteria da partida. O Alvinegro inclusive já fez o pedido formal para o Governo do Estado do Maranhão, que administra o Estádio Governador João Castelo, e aguarda uma resposta.

Flamengo e Santos empataram no primeiro turno (Foto: Wagner Meier / LANCE!PRESS)
Em paralelo, o presidente santista, Modesto Roma Júnior, está em contato com o presidente do Flamengo, Eduardo Bandeira de Mello, que também não teria despesas com a viagem e com a hospedagem da delegação.
Acostumado a ouvir o técnico Dorival Júnior e os jogadores do Peixe, Modesto já deixou claro que a mudança é uma alternativa para lucrar, já que o clube vive problemas financeiros.