quinta-feira, 21 de setembro de 2017

IFMA abre inscrições para curso sobre ensino inclusivo de Ciências





Prazo vai até domingo (24). Curso tem como público-alvo professores de Ciências das escolas públicas.

Até o dia 24 de setembro, estarão abertas as inscrições para o curso de extensão “Para além da VISÃO: ensinando Ciências de forma inclusiva”. Serão ofertadas 20 vagas gratuitas para professores de Ciências (Química, Física e Biologia) das escolas públicas de Ensino Fundamental e Médio.

O candidato deverá enviar para o e-mail pesquisasemeducacao@gmail.com os seguintes documentos em PDF: formulário de inscrição; RG e CPF; declaração de vínculo com a instituição de ensino; e carta motivacional, em que o candidato deve expressar, em no máximo 10 linhas, os motivos pelos quais se interessa pela área da Educação de alunos com deficiência visual.

O curso terá início no dia 02 de outubro, com encontros presenciais e atividades independentes, totalizando 120 horas. As aulas presenciais serão realizadas no período noturno no prédio do Centro de Ensino Prof.ª Maria Pinho, no bairro do Cohatrac I.

A iniciativa é do Grupo de Pesquisa em Educação em Ciências e Matemática e Educação Especial (GPECMEE) do Instituto Federal do Maranhão (IFMA) Campus São Luís – Monte Castelo, coordenado pela professora Regiana Sousa Silva. O objetivo do grupo é proporcionar aos professores de Ciências momentos de reflexão e estudo sobre os fundamentos psicológicos, epistemológicos, políticos e pedagógicas da educação especial/inclusiva, bem como o aprofundamento de conhecimentos na área da deficiência visual, com vistas ao aprimoramento de suas práticas, mediante o desenvolvimento de atividades e utilização de recursos que favoreçam a construção de salas de aula inclusivas.

Lei da Ficha Limpa pode definir rumos das eleições dos CRCs em todo o país

No último dia 14, o ex-juiz Marlon Reis, idealizador da Lei da Ficha Limpa, participou de um evento na sede do Conselho Federal de Contabilidade que teve como foco debater a corrupção eleitoral.
É de suma importância a participação do CFC neste Movimento.
Este ano, nos dias 21 e 22 de novembro, acontecem as eleições de 2/3 para compor o plenário dos Conselhos Regionais de Contabilidade de todo o Brasil. Tais eleições seriam uma excelente oportunidade do Conselho Federal de Contabilidade cobrar, dos candidatos, uma Certidão da Justiça Federal, Estadual e Municipal que não estejam arrolados em problemas com a justiça e sejam ficha limpa.
Isso daria maior lisura e credibilidade ao processo, sem contar que os profissionais contábeis estariam elegendo representantes ilibados na ética, um dos pilares da profissão contábil.
Leia a matéria na íntegra retirada do site do CFC:
Por Fabrício Santos
Comunicação CFC
Por um Brasil sem corrupção, mais justo e transparente. Esse é um dos objetivos do  Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral (MCCE) – rede formada por entidades da sociedade civil, movimentos, organizações sociais e religiosas focadas em combater a corrupção eleitoral – que esteve presente, na manhã desta quinta-feira, no auditório do Conselho Federal de Contabilidade (CFC), em Brasília (DF).
Na reunião, compuseram a mesa o idealizador da Lei da Ficha Limpa, juiz Márlon Reis; o diretor do MCCE, Luciano Santos; o conselheiro do CFC e membro da diretoria do MCCE,  Miguel Ângelo;  e o secretário da Comissão Brasileira Justiça e Paz (CBJP) da Conferência Nacional dos Bispos no Brasil (CNBB).

Na abertura da reunião, o conselheiro do CFC agradeceu a presença de todos e disse que “o Conselho Federal acompanha essa parceria com o MCCE por acreditar em um País livre de corrupção”.
“A proposta que discutimos na reunião foi a criação de uma campanha, a ser divulgada para toda a sociedade, alertando que a reforma política, elaborada pelo atual Parlamento, não trará nenhum benefício para o povo brasileiro”, afirma Miguel Ângelo.
O diretor do MCCE, Luciano Santos, lembrou que o tema reforma política está na pauta do Congresso Nacional deste dia 14 de setembro. “Infelizmente, a reforma política não está inspiradora, porque não conseguimos evoluir em uma discussão tão importante para o País”, disse Luciano.
Ainda, segundo o diretor do MCCE, parece que os caminhos e as alternativas que foram escolhidas pelo Congresso para tentar viabilizar a reforma política não estão acontecendo como os parlamentares imaginavam. “Não sabemos se comemoramos ou se ficamos tristes”, lamenta Santos.
O Conselho Federal de Contabilidade vem mantendo há anos a parceria com o MCCE, atualmente composto por mais de 60 entidades nacionais. No ano passado, o CFC  lançou o livro Prestação de Contas Eleitorais para as Eleições 2016, com orientações  aos profissionais da contabilidade e candidatos sobre as eleições. O livro, eletrônico, dedica um capítulo especial sobre o Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral.

Projeto em tramitação
Por falta de acordo, os deputados adiaram mais uma vez a votação sobre a reforma política que estava agendada para esta quinta-feira (14). Polêmico, o texto da reforma está sendo alvo de críticas por diversos segmentos da sociedade. Na última terça-feira (12), a comissão que discute a reforma na Câmara aprovou relatório que determina que uma pessoa física pode doar, para cada cargo em disputa, até 10% de sua renda do ano anterior, alcançando, no máximo, dez salários mínimos para cada cargo. Como nas eleições de 2018 haverá cinco cargos em disputa, uma pessoa poderá doar até R$ 50 mil.
Dentre vários pontos polêmicos da proposta, o que mais chamou a atenção no relatório foi a possibilidade de que os partidos arrecadem recursos por meio da realização de bingos, rifas e sorteios. A repercussão foi tão negativa que o relator da comissão retirou do texto as chamadas doações ocultas, que permitia à Justiça Eleitoral não divulgar o nome e o valor doado. Para valer nas eleições do ano que vem, o texto da reforma política deve ser aprovado até o dia 7 de outubro.
Conheça abaixo as propostas do MCCE para a Reforma Política

Luis Fernando entrega de volta à população ribamarense a Casa da Marisqueira em pleno funcionamento


O terceiro maior município do Maranhão, São José de Ribamar, voltou a contar com uma fábrica especializada em Mariscos e Pescados, a Casa da Marisqueira. O equipamento, totalmente reconstruído, foi entregue nesta terça-feira (19) pelo prefeito Luis Fernando, juntamente com o vice-prefeito, Eudes Sampaio, em concorrida cerimônia que marcou mais um dia da programação do aniversário de 65 anos do município.
A fábrica, localizada no bairro São Raimundo, na região da sede, além de ter seu prédio recuperado recebeu novas máquinas e peças, dando mais segurança, rapidez e qualidade no processamento de mariscos.
Para o prefeito ribamarense, Luis Fernando, a reconstrução do importante equipamento vai elevar o potencial pesqueiro e produtivo do município além de incentivar ainda mais a produção local. “Estamos em mais um dia de entregas em comemoração de aniversário do município e sem dúvida, a entrega da fábrica vai incentivar o mercado pesqueiro local, proporcionando trabalho, renda para o setor”, destacou o prefeito.
O secretário de agricultura pesca e abastecimento, (SEMAGRI), Isaac Buarque, explicou que o processamento dos mariscos será feito na Casa da Marisqueira, cujos produtos terão o selo de autorização da Vigilância Sanitária Estadual para serem comercializados em todo o Maranhão.
“Os produtos que serão processados aqui têm mercado garantido por sua qualidade, higiene e preços atrativos. Boa parte será adquirida por meio do programa Compra Local Municipal”, afirmou.   
Além dos funcionários contratados, a casa conta com 48 marisqueiras que fazem parte da parceira Prefeitura/Associação de Marisqueiras do Município e Banco do Brasil, por meio de linha de financiamento de créditos.
Trabalhando com mariscos há mais de 8 anos, Goreth Silva, de 38 anos, é uma das marisqueiras beneficiadas. “Se não fosse o empenho dessa nova gestão em reformar o nosso local de trabalho, nada disto estaria acontecendo hoje aqui”, afirmou.
Programação de Aniversário
Como parte da programação de aniversário do município, também foi realizada nesta terça-feira (19), a certificação de cerca de 700 voluntários no projeto voluntariado municipal. O projeto criado em 2005, quando da primeira gestão do prefeito Luis Fernando, traz em sua nova edição, a proposta de integração das comunidades além de ampliar a participação popular no estímulo de práticas que levem a cidadania, melhoria da qualidade de vida e aproximação com a gestão pública.
São mais de 100 bairros envolvidos nas mais variadas ações voluntarias em prol da melhoria do município.
Até o final deste ano, as comunidades serão premiadas por meio das melhores práticas. O primeiro, segundo e terceiro colocados, receberão pavimentação de até 2km de asfalto, construção de praças, área de lazer, academia ao ar livre, ateliê de costura, kits de cozinha, esportivo, aparelho de som completo além de eletrodomésticos como forma de estímulo para as boas práticas.
O prefeito Luis Fernando ainda entregou o sistema simplificado de abastecimento de água na Trizidela da Maioba. A obra também deverá trazer mais conforto e qualidade no fornecimento de água para os moradores da região.
Nesta quarta-feira (20), a programação de aniversário de 65 anos da cidade vai contar com as entregas das Unidades Básicas de Saúde de São José dos Índios e Jardim Tropical.  

Parceria da Lokcenter e Doosan Maquinas!

 Diretor da Lokcenter Bráulio Rocha entre a sua equipe e os representantes da Doosan Construction Equipment.
A empresa Lokcenter é conhecida no norte e nordeste como locadora de máquinas para a construção civil e indústria, com padrão de excelência, inovação e competitividade. Localizada em São Luís como matriz atuam também como filial na Br 135 Maranhão, Pará, e Piaui. No ultimo dia, (14), aconteceu o evento de parceria da empresa Doosan e Lokcenter.
Desde sua fundação em 1977, a Doosan Construction Equipment alcançou as maiores taxas de crescimento, através de seu melhor desenvolvimento de investimentos, no construir um modelo de negócios global. O objetivo da Doosan Infracore Construction Equipment é distinguir-se como uma das 3 maiores fabricantes mundiais máquinas para construção e a melhor parceira possível para seus clientes foi pensando nisso que a Lokcenter será um grande parceiro para o desenvolvimento de vários projetos de construções para os seus clientes com a Doosan. Veja quem fez acontecer no evento.

O engenheiro José Bastos Neto, Jornalista Rejanny Braga, Bráulio Rocha.
Marcos Davi, Bráulio Rocha, Madalena Nobre e  Ilhyeong Lee.
William Santos entre Igor Lião, Ilhyeong Lee e Natanael Lopes.
Equipe da Doosan Construction Equipment Igor Lião, Ilhyeong Lee e Natanael Lopes.

quarta-feira, 20 de setembro de 2017

Município de Afonso Cunha ganha máquina Patrol por meio de Indicação de Júnior Verde



O município de Afonso Cunha foi beneficiado na última segunda (18), com uma Patrol Motoniveladora por meio de Indicação feita pelo deputado estadual Júnior Verde (PRB). O equipamento foi doado pelo Governo do Estado e vai melhorar a infraestrutura, principalmente de vias urbanas e vicinais. Prefeitos e representantes de municípios de todas as regiões do Maranhão participaram da entrega do primeiro lote de máquinas.

A ação integra o programa Caminhos da Produção, que visa oferecer recursos e infraestrutura para incentivo ao desenvolvimento produtivo e circulação de pessoas. As máquinas do tipo Patrol estão avaliadas em R$ 600 mil.

“As Motoniveladoras vão ajudar na manutenção das ruas, das estradas que cortam o município, e são fundamentais para o deslocamento das pessoas e para o escoamento da produção, sobretudo da agricultura familiar. É uma solicitação antiga nossa, feita por meio de Indicação ao Governo do Estado”, comemorou o deputado Júnior Verde, na ocasião acompanhado do prefeito Arquimedes Bacelar, do presidente da Câmara, Pedro Ferreira Medeiros, e de outros vereadores.

A entrega dos equipamentos complementa as ações do Programa Mais Asfalto, que já recuperou mais de 1.300 quilômetros de vias urbanas e que nesta nova etapa vai alcançar 100 municípios.

Além de Afonso Cunha, também foram contemplados os municípios de Bacabal, Santa Inês, Parnarama, Santa Quitéria, Timom, Vitorino Freire, Santo Antônio dos Lopes, Senador Alexandre Costa, Urbano Santos, Zé Doca, São José dos Basílios, Codó, Centro Novo do Maranhão, Amarante, Alcântara, Estreito, Lago da Pedra, Governador Nunes Freire e Coelho Neto.

Ao todo, serão distribuídas 90 Motoniveladoras até novembro deste ano.  Os recursos obtidos pelo Governo do Maranhão em operação de crédito com a Caixa Econômica Federal, dão continuidade à política de desenvolvimento das cadeias produtivas no estado, além de ampliar o escoamento da produção maranhense, ação bem recebida pelos prefeitos dos municípios.

Presidente Vargas: Wellington Uchôa inicia obras do Mais Asfalto


Em Presidente Vargas foi dada a largada para a primeira etapa do Programa Mais Asfalto. Nessa etapa do Programa, será executado pela Secretaria de Estado de Infraestrutura (Sinfra), 6 km de asfalto. 

O prefeito Wellington Uchôa (PEN) fez questão de anunciar a boa nova aos Presvarguenses através de seu perfil no Facebook e aproveitou para reiterar seu compromisso com a população de proporcionar dias melhores através do tão sonhado desenvolvimento. Uchôa também agradeceu o governador Flávio Dino pela parceria com o município de Presidente Vargas que melhorará sua mobilidade com a execução do Mais Asfalto.

Incansável na luta por melhorias para seu município, Wellington Uchôa, que agora executa 06 km de asfalto, beneficiando importantes ruas, também tem buscado constantemente outras benfeitorias para a cidade em parceria com o governo do estado.     

Programa Mais Asfalto

O Mais Asfalto é um programa permanente do Governo Flávio Dino, embora não seja uma responsabilidade fundamental do Governo do Estado cuidar do asfaltamento, manutenção, conservação e melhorias de ruas e avenidas, tem sido uma colaboração as gestões municipais com a intenção de garantir, assim, melhorias aos maranhenses.











Deputado Wellington se reúne com Ministério Público e defende nomeação de aprovados em Barreirinhas



No início da tarde desta quarta-feira (20), o deputado estadual Wellington do Curso (PP) esteve na cidade de Barreirinhas e se reuniu com o promotor titular da cidade, Guilherme Goulart Soares, para tratar sobre a nomeação dos aprovados no último concurso que foi realizado no município. O objetivo foi encontrar um meio que faça com que a Prefeitura do município cumpra a decisão do juiz Rafael de Jesus Serra Ribeiro Amorim, em que proíbe a realização de contratações temporárias para os cargos em que haja candidatos aprovados.

A decisão judicial foi promulgada no dia 16 de setembro e, ao contrário do que impõe a decisão judicial, a Prefeitura insiste nas contratações temporárias.

"Realizamos audiência pública em Barreirinhas no dia 08 de março e, entre as denúncias feitas pelos aprovados no concurso, há quanto às contratações temporárias. Existe uma decisão judicial em que a Prefeitura fica obrigada a nomear os candidatos, mas, ao invés disso, o que a atual gestão faz é contratação temporária. Assim, esperamos que o Ministério Público possa fazer algo com o objetivo de garantir o cumprimento da decisão. Com isso, quem ganhará é a população de Barreirinhas", pontuou Wellington.

Na oportunidade, o deputado Wellington formalizou a solicitação por meio de um ofício que foi protocolado na Promotoria. Como um dos encaminhamentos da reunião, os aprovados no concurso, que também estiveram presentes, solicitaram a realização de uma outra audiência, já que o próprio Ministério Público reconheceu não conseguir encontrar o prefeito da cidade sequer para intimá-lo. A audiência será realizada pela Comissão de Administração da Assembleia e acontecerá no início da primeira quinzena de outubro.